ROTEIRO NOVA YORK: 1º DIA E AS MINHAS PRIMEIRAS IMPRESSÕES

Eu estava devendo para vocês os roteiros de cada lugar que estive nos EUA, espero ajuda-los com as dicas que tenho de cada lugarzinho que passei.

Fiz minha viagem com meu noivo e dividimos tudo. No vídeo de QUANTO GASTEI NA MINHA VIAGEM PARA OS EUA eu falo mais sobre valores. Aproveitem para ver também meus vlogs da viagem nessa playlist aqui.

Nesse post eu vou começar por Nova York, que foi a nossa primeira parada. Em cada destino optamos em ficar 5 dias, menos Vegas que ficamos 3, pois vi relatos que era suficiente.

Chegamos em Nova York no dia 14/11/17 pela manhã, voamos de Delta e não tenho nada do que reclamar, sem atrasos, deram um kit com travesseiro, tampa olho, coberta, entre outras coisas. As comidas servidas estavam muito boas (leve em consideração que não sou uma pessoa muito fresca haha).

Optamos em ir de AirTrain/metrô para o nosso hotel, pagamos $ 6 dólares, de táxi gastaríamos em torno de $ 100 dólares, resolvemos poupar nossos dolinhas haha. Aproveitem que nesse momento vocês vão estar bem animados com a chegada na Big Apple e não vão achar “perrengue” passar por isso haha.

Metrô NY

Como estávamos com 4 malas dificultou a nossa locomoção, mas foi bem fácil nos locomover até Manhattan, aproveitamos também para já comprar o MetroCard por $ 32 dólares (válido ilimitadamente por 7 dias), que foi o meio que escolhemos nos locomover em Nova York.

O que judiou foi o frio que sentimos na rua até o hotel, já sabíamos que estaria frio, mas não tínhamos ideia do quanto era gelado o ar. Levei agasalho na mala, mas fiquei com preguiça de colocar no aeroporto, me arrependi muito por isso haha não consigo explicar em palavras o frio que passei, então um conselho que dou é: não brinque com o frio de NY hahaha.

Ficamos hospedados no hotel Edison, grudado na Times Square, perto de todas as principais linhas do metrô, muito bom para se locomover por toda parte da cidade. Os pontos negativos: não tinha café da manhã, frigobar e nem micro-ondas, como sempre sobrava comida nos restaurantes (as porções eram bem servidas) não tinha como levarmos para o hotel.

 Uma dica que dou é ficar longe da Times, pois a ilha de manhattan costuma ser mais cara e como você vai se locomover de metrô de qualquer forma, não faz diferença ficar longe ou perto, fora que, no horário de pico é uma loucura andar pela Times.

Chegamos no hotel por volta das 7:30 da manhã e nosso check-in era SÓ as 15hrs, se arrependimento matasse tínhamos gastado um pouco mais e fechado mais uma diária, para que quando chegássemos pudéssemos entrar no quarto, tomar um banho quente e esticar as pernas, então aí vai mais uma dica, vale a pena fechar uma diária a mais se o seu caso for igual ao nosso, depois de um voo longo você só quer esticar as pernas.

Como não tínhamos essa opção, pegamos mais roupas nas malas e guardamos em um locker que o hotel oferece caso você queira deixar as malas e ir passear, cada mala guardada custava $ 0,50 cents, não tínhamos opção né? Haha.

DIA 1 – Nossa primeira parada eu nem preciso dizer para vocês que foi a TIMES né? Quem não tem o sonho de ver de pertinho aquelas imensidões de telões? Haha.

Dali seguimos andando sentindo ROCKFELLER CENTER, como imaginei que chegaríamos com fome, tinha colocado no nosso roteiro de ir tomar um café no BOUCHON BAKERY & CAFÉ para comer o famoso crossaint de chocolate, que já adianto, é muitoooo bom, o ambiente lembra bastante do Starbucks – Valor: crossaint + suco de laranja + 1 macarrons = $ 10 dólares por pessoa.

Nós levamos roupas de frio, mas deixamos um espaço na mala para comprar casaco por lá, sendo assim, pegamos o metrô e fomos em direção a CENTURY21, na unidade da Broadway (pois tem outras pela cidade). Eu amei a loja, as roupas de marcas estavam com os preços muuuuito legais, acabei levando um sobretudo da Calvin Klein por $ 70 dólares e mais uma jaqueta corta vento por $ 60 dólares, fora outros itens que comprei por lá.

Como íamos trocar de celular, do outro lado da rua tinha uma imensa LOJA DA APPLE e aproveitamos para já comprar nossos aparelhos celulares. Dali fomos passear na 5º AVE. indo em direção ao nosso hotel, estávamos com muitas sacolas, então decidimos ir até lá para ver se o quarto já estava liberado ou pelo menos, guarda-las.

Infelizmente o quarto ainda não estava liberado, então deixamos as sacolas por lá e fomos comer no Olive Garden que era do lado do nosso hotel. Já tinha ouvido falar que era barato e as porções bem servidas, um prato dá facilmente para 2 pessoas, mas o restaurante (pelo menos a unidade da Times) não aceitava dividir o prato, então já imaginam né? Sobrou muuuuita comida e infelizmente não dava para levar para viagem. Não achei tão em conta assim já que não poderíamos dividir – Valor: entrada (gratuita) + bebida + prato de massa = $ 25 dólares por pessoa.

Estávamos muito cansados e com frio, então decidimos voltar para o hotel e esperar no hall mesmo. As 14:30 liberaram o quarto e subimos para descansar e dormir um pouco. Chegando a noite fomos conhecer o DYLAN’S CANDY BAR, é uma loja/bar com uma imensidão de doces que você pode comprar, nós só fomos para conhecer mesmo haha o bar fica no último andar e é a coisa mais fofa, e ah, os funcionários também são super animados.

Dali nós tínhamos intenção de ir no SERENDIPITY 3, que falam que é o melhor sundae de NY, mas não estávamos com tanta fome, então somente passamos para visita-lo e vimos que o sundae era gigantesco hahaha mas vale a pena a visita, o lugar é muito mágico.

Aproveitamos que estávamos por lá e ficamos dando uma volta pela 3º AVE, tem muita loja legal, tem uma loja de Departamento da MANCYS que eu achei as coisas caríssimas hahaha mas vale a visita, o lugar é lindo. Voltamos para o hotel por volta das 22:30 para descansar porque o dia seguinte seria bem cheio.

Espero que tenham gostado do meu roteiro para o primeiro dia e claro, as minhas primeiras impressões de NY, até o próximo.

Um beijo amores!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *